+zero

arquivo de May, 2011

360 graus amigo

postado em 30 de May de 2011 por – 1 comentário

∞˙ cervejinhas

postado em 28 de May de 2011 por – deixar um comentário

cervejinhas

[+zero], cervejinhas (detalhe), 2011, C-PRINT de 200 x 100 metros

cervejinhas, obra dionísica

 

tags: , , , , , , , , , , , , ,

*& do aspecto dionísico dos jogos

postado em 27 de May de 2011 por – deixar um comentário

dionísio

a criação é dionísica, pois “apolo é o deus da medida e da harmonia, enquanto dionisio é o deus da embriaguez, da inspiração e do entusiasmo” (nietzsche). apolinio significa contemplativo, que é fonte de harmonia e beleza, enquanto dionisiaco significa de exaltação trágica e patética da vida. a palavra apolinismo designa a contemplação extasiada de um mundo de imaginação e de sonho, do mundo da bela aparência que nos liberta do devir, por sua vez, o dionisismo concebe ativamente o devir, sente-o objetivamente como a “volúpia curiosa do criador”

tags: , , , ,

Ï˝ página do [+zero] no site do prêmio pipa 2011

postado em 26 de May de 2011 por – deixar um comentário

prêmio pipa 2011

foi solta no ar hoje, livremente e acompanhada de cerol, a página do [+zero] no site do prêmio pipa 2011. o [+zero] está concorrendo ao prêmio pipa 2011. nossa bela página (ainda sem video) pode ser livremente acessada em: http://www.premiopipa.com.br/?page_id=11050

é acessar, escaralhar e curtir!

tags: , , ,

~] a respeito da repetição nos jogos propostos

postado em 26 de May de 2011 por – deixar um comentário

repetição

não basta que tudo comece, é preciso que tudo se repita, uma vez encerrado o ciclo das combinações possíveis. o segundo momento não é aquele que antecede o primeiro, mas é o reaparecimento do primeiro quando se encerrou o ciclo dos outros momentos. a segunda origem, portanto, é mais essencial que a primeira, porque ela nos dá a lei da série, a lei da repetição, da qual a primeira origem apenas nos dava os momentos

tags: , ,

Breves considerações a respeito da arte e da ciência no panorama meta-real da totalidade

postado em 25 de May de 2011 por – deixar um comentário

arte e ciência meta-reais

1) Arte e ciência são livres de tudo o que é positivo e que foi introduzido pelas convenções dos homens; ambas gozam de uma absoluta imunidade em face ao arbítrio humano. A arte e a ciência prendem-se ao que há de eterno e necessário na natureza humana, não ao que é arbitrário, contingente e positivo no sentido factual histórico,

2) O legislador político pode interditar seu território, mas nunca nele imperar. Pode proscrever o amigo da verdade, mas esta subsiste; pode diminuir o artista, mas não falsificar a arte e

3) A arte é que deve falsificar a realidade. Este é o verdadeiro desígnio da arte.

tags: , , , , , , , ,

ı˝ resumé [+zero]

postado em 5 de May de 2011 por – deixar um comentário

[+zero]

Play [+zero] began in 2007 and is still going on today, continuing the proposition of discussing the empirical and philosophic fundamentals used in the spiralling and labyrinth processes of recombination found in contemporary audio-visual experiences, mediated by computational devices.
What is important to know is that play [+zero] remains open, ceaseless and continuous, a non-hierarchical dialogue that reflects on contradiction and on the experiences of alterity. The play should not, therefore, be limited by the discourse of method as an aesthetic guideline towards the truth. Instead, it should take the flusserian doubt as an example that makes mirroring and contemplation possible, taking it as a model for contemporary categorial thought and considering doubt in opposition to modern methodologies of certainty, maintaining this doubt as fundamental for intellectual and artistic investigation.
While man is a being that reflects, man is also a being in opposition. He is a being that does not allow that which happens to him (the things that confine us) to become part of him. He formulates sentences of disavowal. And he can do that thanks to his basis of nothingness. Man is a being constituted by nothing.
Nothingness is the silver nitrate that makes man what he is: a mirror. The mirror is a being that assumed a position of opposition: a negative position. This is why it reflects. It doesn’t allow that which surrounds it to become part of it. To reflect is to disavow and this is its structure. The answers given by the mirror are inversions of the questions that are demanded of it. Optical equations confirm this proposition and they also confirm the analysis of reflexive thought.
Nothingness is the foundation of reflection (thought): bodenlos. The apparatus is, just like a mirror, a being in opposition and it functions like that: beast-apparatus. It is a being that disavows and this is why it is a reflection of the real. The answers given by the play of the apparatus are always negative. To reflect is to disavow, this is its’ structure. The codes programmed into it confirm this statement: the real disavows. Those possibilities distributed fortuitously by chance also disavow.
It shouldn’t be surprising, therefore, that the basis of the apparatus is nothingness, this source of all possible disavowal. [+zero] is, as a mechanism, a being in opposition and as such, it works accordingly. It is a being that disavows, and this is why it reflects the real. Reflects, negates and beguiles; seduces. It shouldn’t therefore be surprising that the basis of [+zero] should be nothingness, this source of all possible disavowal.
[+zero] has been shown and installed in the following games:
• heidegger em projeção/heidegger in projection (sesc são paulo, june 2007)
• midialogia escabrosa/salatious mediology (ciantec/usp, august 2007)
• amplo salto no escuro/ large leap in the dark (galeria gag, september 2007)
• o design é a objetivação do mal/design is the objectification of evil (design fit week, september 2007)
• zquizofonia feat. +zero (4th frrrk guys são paulo, october 2007)
• zquizofonia feat. +zero (ccbb, november 2007)
• tim maia do brasil/tim maia of brasil (galeria galeria, november 2007)
• *rnd (file rio, february 2008)
• quadrifluorophosphato plano (cultural events in são paulo, april 2008)
• 8 noites de performance/8 nights of performance (international theatre festival, são josé do rio preto, july 2008)
• tacos mágicos do realismo peirceano/magical sticks of peircean realism (file hipersônica são paulo, august 2008)
• zquizofonia feat. +zero (frrrkcon são paulo, october 2008)
• visita:delíriocorporal/visit: corporaldelirium (sesc são josé dos campos, november 2008)
• c1’ (dando balão na dutch)/ c1’ (ditching the dutch) (galeria olido, march 2009)
• exercício iii: do processo aleatório da lei/exercise iii: from the aleatory process of the law (mip2, international festival of performance, belo horizonte, july 2009)
• visita: bêbado e puta no delíriocorporal/visit: drunk and prostitute in corporaldelirium (kinoforum at mis são paulo, august 2009)
• exercício iii: do processo aleatório da lei/exercise iii: from the aleatory process of the law (palacete de artes rodin salvador, august 2009)
• street fighter iv vendado/ blindfolded street fighter iv (john cage’s musicircus at the 7th mercosul biennial, porto alegre, october 2009)
• artur matuck drum kit (abciber at espm são paulo, november 2009)
• homage a ph: pai profeta e pai joão/homage to ph: father prophet and father joão (urban being festival, october 2010)
• homage a ph: pai profeta e pai joão/ homage to ph: father prophet and father joão (abciber at ufrj, november 2010)

tags: ,

ÇÎ [+zero] curricular!

postado em 5 de May de 2011 por – deixar um comentário

[+zero]

o jogo [+zero] iniciou-se em 2007 e não terminou até hoje, mantendo a proposta de discutir as bases empíricas e filosóficas utilizadas nos processos espirais e labirínticos de recombinação utilizados nas experiências áudio-visuais contemporâneas, mediadas por aparelhos computacionais.
o que interessa saber é que o jogo do [+zero] está aberto, ininterruptamente e continuamente, a dialogia não hierárquica que reflete sobre a contradição e sobre as experiências de alteridade. o jogo não deve, portanto, deter-se ao discurso do método como modo de diretriz estética rumo a verdade. deve, sim, tomar como exemplo a dúvida flusseriana de maneira que possibilite o espelhamento e a contemplação, tomando-a como modelo para o pensamento categorial contemporâneo e considerando a dúvida em oposição às certezas metodológicas modernas, observando-a como fundamento para a investigação intelectual e artística.
o homem enquanto ser que reflete, é um ser em oposição. é um ser que não permite que aquilo que sobre ele incide (as coisas que nos cercam) passe por ele. formula sentenças que negam. e pode fazê-lo graças ao nada que o fundamenta. o homem é um ser fundamentado pelo nada. o nada é o nitrato de prata que faz do homem o que ele é: espelho. o espelho é um ser que assumiu uma posição que é oposição: uma posição negativa. é por isso que reflete. não permite que aquilo que sobre ele incide passe por ele. refletir é negar, e isto é a sua estrutura. as respostas que o espelho articula são inversões das perguntas que o demandam. as equações da ótica confirmam essa afirmativa. e também o confirmarão as análises do pensamento reflexivo. o fundamento da reflexão (pensamento) é o nada: bodenlos. o aparelho é, assim como o espelho, um ser em oposição. e é como tal que funciona: aparelho-fera. é um ser que nega. é por isso que reflete o real. as respostas que o aparelho articula em seu jogo são todas negativas. refletir é negar, e isto é a sua estrutura. os códigos programados em seu programa confirmam esta afirmativa: o real nega. as possibilidades distribuídas fortuitamente pelo acaso também negam. não deve portanto surpreender que o fundamento do aparelho seja o nada, essa fonte de toda negação possível. o [+zero] é, assim como o aparelho, um ser em oposição. e é como tal que funciona. é um ser que nega. é por isso que reflete o real. reflete, nega e engana; seduz. não deve portanto surpreender que o fundamento do [+zero] seja o nada, essa fonte de toda negação possível.
o [+zero] já apresentou e instalou os seguintes jogos:
• heidegger em projeção (sesc paulista, junho de 2007)
• midialogia escabrosa (ciantec/usp, agosto de 2007)
• amplo salto no escuro (galeria gag, setembro de 2007)
• o design é a objetivação do mal (semana do design fit, setembro de 2007)
• zquizofonia feat. +zero (4th frrrk guys sp, outubro de 2007)
• zquizofonia feat. +zero (ccbb, novembro de 2007)
• tim maia do brasil (galeria galeria, novembro de 2007)
• *rnd (file rio, fevereiro de 2008)
• quadrifluorophosphato plano (virada cultural da cidade de são paulo, abril de 2008)
• 8 noites de performance (festival internacional de teatro de são josé do rio preto, julho de 2008)
• tacos mágicos do realismo peirceano (file hipersônica sp, agosto de 2008)
• zquizofonia feat. +zero (frrrkcon sp, outubro de 2008)
• visita:delíriocorporal (sesc são josé dos campos, novembro de 2008)
• c1’ (dando balão na dutch) (galeria olido, março de 2009)
• exercício III: do processo aleatório da lei (MIP2, manifestação internacional de performance bh, julho de 2009)
• visita:bêbado e puta no delíriocorporal (kinoforum no mis são paulo, agosto de 2009)
• exercício III: do processo aleatório da lei (palacete de artes rodin salvador, agosto de 2009)
• street fighter iv vendado (musicircus de john cage na 7º bienal do mercosul porto alegre, outubro de 2009)
• artur matuck drum kit (abciber na espm são paulo, novembro de 2009)
• homage a ph: pai profeta e pai joão (festival ser urbano, outubro de 2010)
• homage a ph: pai profeta e pai joão (abciber na ufrj, novembro de 2010)

tags: ,

´˘ 4 anos de [+zero]!!!

postado em 5 de May de 2011 por – deixar um comentário

4 anos de [+zero]
4 anos de [+zero] se completam! 4 anos abençoados! 4 anos de alegrias infinitas! 4 anos de jogos! viva glauber rocha!

tags: , , ,

˝ˇ bonde desenfreado da macumba com homenagem a paulo henrique com pai profeta e pai joão

postado em 5 de May de 2011 por – deixar um comentário

homenagem a paulo henrique com pai profeta e pai joão

a página-jogo-inicial do bonde da macumba está em ar: homenagem a paulo henrique com pai profeta e pai joão. agora todos podem acessar a mente profética aqui: http://www.maiszero.org/blog/?page_id=1651

mais jogos iluminados em breve!

tags: , , , , ,